Busca Avançada
Genero e Classe
R$ 31,50

Editora: Sundermann, José Luis e Rosa
Autor: Cecília Toledo
P?ginas: 249
PRAZO DE ENTREGA:

 
10 dias ap?s a confirma??o do pagamento.



SINOPSE:

A Editora Sundermann anunciou a publicação de Gênero e Classe, obra póstuma de Cecília Toledo. O livro, lançado em espanhol em 2016, chega ao Brasil no próximo dia 8 de março, data mais do que apropriada. A obra foi organizada por Alicia Sagra após a morte de Cecília em setembro de 2015. Alicia teve a difícil tarefa de organizar e editar os seis capítulos deixados pela autora. Quanto à estrutura, a autora manteve os cinco capítulos do livro anterior (“Mulheres: o gênero nos unes, a classe nos divide”), todos com modificações significativas, e acrescentou um sexto capítulo, “A questão da família”.

Quando nos deparamos com Gênero e Classe, podemos nos questionar se não estaríamos diante de uma versão revisada de seu livro anterior, que teve três edições. No entanto, a própria autora, na apresentação, não deixa dúvidas sobre as mudanças de conteúdo no texto, cuja primeira versão é de 1996. Apesar de haver uma continuidade com relação às edições anteriores, diante do surgimento de novas teorias, tornou-se inevitável fazer algumas correções, atualizar e reelaborar outros tantos aspectos. Estas novas reflexões são fruto de seminários e debates no interior da Liga Internacional dos Trabalhadores – Quarta Internacional (LIT-QI).

Cecília chegou à conclusão de que inclusive o nome do livro precisava ser mudado: “Passa a chamar-se Gênero e Classe porque a teoria do gênero aplicada às mulheres tomou tanto vulto, no seu intuito de apagar as diferenças de classes sociais como problema central na desigualdade, que foi ultrapassada pelas próprias feministas”. Para ela, a mudança do título era a primeira revisão necessária, já que “o gênero nos une, a classe nos divide”, no momento atual, poderia causar confusões e levar ao entendimento de que não há diferença entre gênero e classe. Ou pior, que a opressão é a mesma sobre todas as classes por unir as mulheres, como poderia sugerir o primeiro título.