Busca Avançada
Carta a Um Camarada
ESGOTADO

Editora: INVERTA
Autor: Isaac (org)
P?ginas: 20
PRAZO DE ENTREGA:

 
Produto esgotado.



SINOPSE:

Se não me falha a memória, escrevi CARTA A UM CAMARADA há mais de um ano atrás, em setembro de 1902. Primeiramente ela andou em cópias, de mão em mão, e se propagou pela Rússia como uma apresentação dos pontos de vista do Iskra sobre a questão da organização. Depois disso a União Siberiana, em junho do ano passado, a reimprimiu e a divulgou numa considerável quantidade de exemplares. Dessa forma, a Carta transformou-se plenamente em propriedade pública e agora não há nenhum motivo que impeça a sua publicação. As raízes que me levaram a não publicá-la antes (precisamente a sua extrema falta de elaboração literária, o seu caráter de “rascunho”) estão superadas, pois exatamente sob essa forma de rascunho dela tomaram conhecimento os militantes russos. Ademais, há uma razão mais importante para a reimpressão dessa carta na forma de rascunho (fiz somente as mais necessárias correções estilísticas): o seu significado como “documento”. A nova redação do Iskra manifestou, como é sabido, já no número 53, discordâncias relativas às questões de organização. Infelizmente o motivo destas discordâncias não é expresso claramente pela redação, que se limita, de maneira geral, a insinuar aquilo que ninguém entende. Temos que tentar facilitar à nova redação a resolução dessa difícil tarefa. Deixemos que os velhos pontos de vista sobre organização do Iskra sejam conhecidos em todos os seus detalhes, inclusive sob a forma de rascunho; talvez, então a nova Redação se digne a expressar finalmente ao partido, “Intelectual e ideologicamente dirigido” por ela, novos pontos de vista sobre organização. Pode ser que a nova Redação compartilhe finalmente conosco a formulação exata daquelas mudaas radicais que seriam projetadas por ela no estatuto de organização de nosso partido. Pois, quem não entende, na realidade, que exatamente esse estatuto absorveu os nossos perenes planos de organização?